Tratar Presos com mais rigor?

sábado, 21 de abril de 2012

MADEIRA MAMORÉ PATRIMONIO DA HUMANIDADE: VOTE NÃO

MADEIRA MAMORÉ: UMA BOA PIADA

Fazer um passeio pelos trilhos da lendaria estrada de ferro madeira mamoré é um desafio para poucos. No sábado dia 21-04 juntamente com um casal de amigos percorrir ou tentei chegar na Igreja de Santo Antônio. O que mais me deixa com cara de trouxa é saber que no dia
16/2, foi criado o Comitê em prol da candidatura da lendária ferrovia a Patrimônio Mundial da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Cultura, Ciência e Educação), também chamado de Patrimônio da Humanidade.

O Brasil já conta com 18 sítios com esse importante título e estar na cara para qualquer um ver, que a nossa lendária Estrada de Ferro não tem as mínimas condições nem para concorrer a nível nacional, quanto mais a nivel mundial.

A EFMM tem valor histórico inestimável que representa não só pelo esforço para construí-la, mas, mormente, por ser ela a motivadora da existência desta região. Entretanto os maus tratos de décadas, falta de respeito com a história e com o patrimônio da união esta visivel para quem tentar se aventurar a caminhar pelos velhos trilhos.

A burocracia dos orgãos responsaveis pela mesma faz com que "projetos" não saiam do papel, falo de coisas simples como limpeza do Cemitério da Candelária, dos trilhos (pelo menos ser usadas pelas escolas em aulas de história regional) entre tantas coisas simples que dar vergonha ver nossa tão famosa estrada concorrendo ou querendo concorrer a PATRIMONIO DA HUMANIDADE

Esses politicos não tem vergonha mesmo...isso é ridiculo!!!!!

A estrada de ferro está completamente jogada no lixo!!!!!!

É mais dinheiro público sendo jogado pelo ralo!!!!!


CIDADÃOS NÃO VOTEM!!!!!!

2 comentários:

  1. Eu voto a favor do reconhecimento da EFMM a Patrimônio da Humanidade!

    Apesar do abandono (que é responsabilidade da sociedade local) penso que em respeito à história e à memória das pessoas que perderam suas vidas para que a ferrovia ficasse pronta, o mínimo que podemos fazer e lutar para que todo o acervo material (o que sobrou da ferrovia) como imaterial (sua história) tenha o reconhecimento da UNESCO como bens mundiais, e consequentemente tenha o respeito e proteção por parte de todos.

    Graças a sociedade rondoniense que insiste em se manter inerte a tudo de ruim de acontece no estado, a Madeira-Mamoré foi outra vítima desse péssimo costume desse povo.

    Em Rondônia a corrupção e o descaso para com a história impera porque a sociedade não tem coragem de sair de sua zona de conforto e fazer a sua parte como cidadão. Prova disso é ínfimo número de pessoas que reclama formalmente das mazelas que assolam a cidade e estado e prejudicam eles mesmos, bem como o baixo número de pessoas que tem coragem de sair de suas casas e protestarem; pressionarem; exigirem respeito a si mesmos por parte de nossas autoridades como também para com a nossa cidade, estado; país!

    Eu apoio a Madeira-Mamoré para Patrimônio da Humanidade e apoio qualquer manifesto e ação que vise o combate à corrupção!

    S.Rïver
    http://www.facebook.com/saimonrio
    http://saimonrio.blogspot.com

    ResponderExcluir