Tratar Presos com mais rigor?

sábado, 13 de março de 2010

LEVIATÃ: Cadê o trabalho? cadê o respeito?



Em pleno século XXI somente o filosofo ingles Thomas Hobbes, conseguiria explicar o que se passa por aqui, em terras tupiniquins. Em seu livro LEVIATÃ, compara o Estado a um "monstro" poderoso, criado para acabar com a desordem e a insegurança da sociedade.

Hobbes acreditava que só existia uma solução para acabar com os conflitos sociais, estabelecer um "CONTRATO SOCIAL", no qual cada um deveria renunciar à sua liberdade em favor de um governo absoluto, capaz de garantir a ordem, a direção e a segurança do convívio social.

Não acredito que esse monstro que ruge tenha alguma vez na vida lido algo sobre esse filósofo, pois para Hobbes, o poder do estado nasceria desse "contrato social", acordo no qual a vontade do gevernante passaria a valer como vontade de todos. "BUSCAR O BEM-ESTAR DO POVO SERIAO DEVER BÁSICO DO TITULAR DO PODER POLITICO".

Salvo engano não lembro-me se o mesmo falava que deveria comprar votos de tolos?

Ou ainda legislar em causa própria?

Quem sabe humilhar trabalhadores em educação, que em muitos países desenvolvidos são a base do processo produtivo!

Nepotismo? arrogância?Malversação?Corrupção?Marginal?

Eh, precisamos fazer revoluções de novo? Porque o Brasil tá cheio de dragões e serpentes malignas que destroem a maioria da população em benefício próprio.


Valdeci Ribeiro, leciona no JBC

Nenhum comentário:

Postar um comentário