Tratar Presos com mais rigor?

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

PLANETA ÁGUA




Água que nasce na fonte Serena do mundo

E que abre um Profundo grotão

Água que faz inocente Riacho e deságua

Na corrente do ribeirão...
Águas escuras dos rios

Que levamA fertilidade ao sertão

Águas que banham aldeias

E matam a sede da população(...)

Águas que movem moinhos

São as mesmas águas Que encharcam o chão

E sempre voltam humildes

Pro fundo da terraPro fundo da terra...


Terra! Planeta Água

Terra! Planeta Água

Terra! Planeta Água...(2x)


A música Guilherme Arante representa a importância da água para o ciclo de vida das plantas, dos rios, do solo e do próprio homem. Quando a canção foi composta na década de 80. questões como desmatamento, urbanização acelerada, mudanças climáticas e avanços agropecuários começavam a ganha destaque no cenário mundial.

Cientistas estimam que 40% do território da Amazônia seja destruido em 20 anos, e 20% perderá sua caracteristica de floresta tropical.

Um dos principais vilões é a PECUÁRIA. Cerca de 75% das áreas desmatadas são destinadas à criação de gado. E onde entra a água nessa história? simple. Calcula-se que para cada quilograma de carne bovina são gastos de 13j mil a 15 mil litros de água. Para um quilograma de ceral, de mil a dois mil litros. "Nós não bebemos a água. nós a comemos".

O setor agrícoloa, grande consumidor de água potável também preocupa, Dados das Nações UNidas, garantem que a agricultura é responsável por cerca de 95% em alguns países em desenvolvimento econômico, que chegam a representar aproximadamente 1/4 das terras irrigáveis existentes.

O BRASIL é um dele. Apesar de ter cerca de 12% da água doce mundial, a distribuição geográfica do recurso hídrico é desigual(como tudo por aqui). Além de uma má repartição, o país enfrenta a poluição dos seus mananciais e o desperdício, que poderiam ser revertidos com a instalação de infra-estrutura urbana( como sistema de tratamento de água e esgoto) e ações de reaproveitamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário